Sara Catarina Ribeiro em femininos e Rui Teixeira em masculinos, sagraram-se este domingo, em Monforte, campeões nacionais de corta-mato 2018.
 

Em femininos, Sara Catarina Ribeiro do Sporting conseguiu o seu primeiro título nacional de Corta-Mato, batendo as suas colegas de equipa Sara Moreira (segunda classificada) e Inês Monteiro (terceira), conduzindo o Sporting à vitória coletiva com 20 pontos, menos 15 que o Recreio Desportivo de Águeda, que foi segundo classificado, com o Braga a subir ao terceiro lugar do pódio com 53 pontos.
 

Em masculinos, Rui Pinto arrancou cedo para aquilo que pareciam vitória garantida do atleta do Benfica, mas Rui Teixeira do Sporting recuperou o terreno ganho por Pinto na primeira parte da corrida e venceu destacado. Rui Pinto foi segundo e o campeão nacional de Estrada, Samuel Barata, estreou-se no pódio sénior do Campeonato Nacional de Corta-Mato.
 

Colectivamente Sporting e Benfica estavam empatados até à entrada para a última volta, com a formação de Alvalade a ser mais forte na parte final e a vencer com 16 pontos, menos 8 que o SL Benfica com o CD São Salvador do Campo a estrear-se no pódio com 105 pontos. 
 

Em sub23, João Ferreira do AC Póvoa dão Varzim e Manuela Martins do Maratona CP foram os vencedores.
 

Nos escalões mais jovens, Rubén Sousa do Sporting venceu em juniores masculinos, com a vitória em juniores femininos a sorrir a Mariana Machado do Braga, que consegue o seu terceiro título nos escalões jovens, depois dos dois conquistados enquanto juvenil. Por equipas, o Sporting venceu em femininos e o Benfica em masculinos.
 

Nos juvenis, a história de 2017 repetiu-se em 2018, Etson Barros do CO Pechão voltou a perder o sapato durante a prova e voltou a vencer, repetindo em Monforte 2018 o título que tinha conquistado em Mira 2017. Em femininos Bárbara Neiva do S Almada e Figueirinhas foi a vencedora.
 

Coletivamente o Benfica venceu tanto em masculinos como em femininos.


Resultados completos 

Partilhe!