A Federação Portuguesa de Atletismo, com base nas questões de higiene e segurança a considerar na realização de competições da modalidade em contexto de pandemia causada pelo vírus SARS-CoV-2, elaborou um guia para os cuidados mínimos a ter para assegurar a segurança pessoal dos participantes. Estas diretrizes pretendem guiar os organizadores de competições de atletismo na implementação das diretrizes das entidades de saúde e desportivas nacionais e internacionais e está de acordo com a regras e regulamentos em vigor à data da sua elaboração.  

 

Com o passar do tempo é espectável que surjam novos dados científicos sobre o vírus SARS-CoV-2 e a doença COVID-19 que obriguem a modificações do presente plano de contingência. Assim, este documento poderá ser alvo de alterações e adaptações de acordo com a evolução da pandemia.  

 

Sendo o sucesso das medidas de Saúde Pública depende da colaboração de todos os cidadãos, das instituições, organizações e da sociedade; e como os locais de realização de atividades decorrentes da prática desportiva podem ser de potencial transmissão da infeção por SARS-CoV-2, por contacto direto ou indireto, impõe-se a implementação de medidas que permitam travar a propagação do vírus responsável pela COVID-19.

 

Assim, deve ser efetuado um regulamento próprio, para cada competição, que contemple as adaptações regulamentares (ex. distribuição das pistas individuais nas corridas de velocidade, forma de realização das provas de meio-fundo, etc.). 

 

Sendo certo que serão necessárias alterações de procedimentos no que diz respeito à realização de competições de atletismo, as diretrizes orientadoras do documento de retoma às competições têm sempre por base os cuidados diferenciados necessários para garantir: 


•    O regresso progressivo às competições;
•    A seguranças dos atletas participantes;
•    A segurança dos oficiais e restante staff envolvidos na competição;
•    A segurança dos treinadores, dirigentes e restantes elementos das comitivas das equipas;
•    A segurança de jornalistas, fotógrafos e restantes elementos da comunicação social;
•    A contenção na propagação do vírus SARS-cov-2.
 

Categoria: