E Irina Rodrigues garante presença em Doha

 

A sportinguista Patrícia Mamona assegurou hoje a marca de qualificação para os Jogos Olímpicos de Tóquio 2020 ao saltar 14,37 metros (v: +1,9 m/s) no triplo-salto, no Meeting de Pádua (Itália), terminando no quarto lugar da prova, atrás da venezuelana Yulimar Rojas (14,87m), Liadagmis Povea (Cuba), com 14,64 e Ana Peleteiro (Espanha), com 14,47 m.

 

Obviamente, esta marca confirma a qualificação da sportinguista para os Mundiais de Doha’2019.

 

Outra sportinguista também assegurou a marca de qualificação para os Mundiais de Doha’2019, a lançadora Irina Rodrigues, que foi quarta classificada no disco, com a marca de 61,34 metros (ainda fez mais dois lançamentos acima de 60 metros: 60,18 e 60,92m).

 

A quinta classificada foi Liliana Cá, do Novas Luzes, com a marca de 58,34 metros.