Protocolo assinado durante os Campeonatos de Portugal

 

A adoção de estilos de vida saudáveis é um objetivo comum para duas das mais emblemáticas instituições da Saúde e do Desporto. A Direção – Geral da Saúde (DGS) e a Federação Portuguesa de Atletismo (FPA) assinaram no dia 20 de julho, um Protocolo de Cooperação.

 

Graça Freitas, Diretora-Geral da Saúde, refere “a DGS está fortemente empenhada na promoção de estilos de vida saudáveis, com destaque para a prática de atividade física e para a prática de uma alimentação saudável”. São objectivos muito importantes, para a Diretora-Geral da Saúde “estes dois determinantes da saúde são responsáveis por uma elevada carga de doença ao longo do percurso de vida dos cidadãos”.
“A promoção da atividade física é, pois, um dos nossos desígnios e vemos com muito interesse parcerias, como aquela que hoje celebramos com a FPA, uma vez que ambas as instituições podem ser sinérgicas na promoção da saúde e na prevenção da doença, juntos por uma melhor Saúde Pública”.

 

Jorge Vieira, Presidente da Federação Portuguesa de Atletismo (FPA), refere que o Protocolo de Cooperação com a Direção Geral da Saúde é «muito importante para o atletismo, que acrescenta notoriedade à FPA, que abre o caminho para uma cooperação institucional para vários dos nossos projetos, nomeadamente para o programa nacional de marcha e corrida, e para os projetos associados ao atletismo infantojuvenil».
Tudo isto, porque «quer a FPA quer a DGS, em vários aspetos, convergem nas suas preocupações, nomeadamente aquelas que têm a ver com a saúde. Queremos atletas saudáveis, sabemos que as nossas práticas são saudáveis e assim colocamo-las ao serviço da população»

 

Por isso, «ter a DGS como parceiro, pois é o principal organismo da Administração Pública que visa promover a saúde da população, quer na prevenção, quer no tratamento.  E aqui, a FPA insere-se precisamente na prevenção e criação de estilos de vida saudáveis”